20 jan 2015

3 livros para ler perto do mar (ou para ler longe e sentir saudade dele)

Escrito por
Livros

Ainda há um bocadinho de férias aí pela frente – por aqui, são mais 20 dias (sim, contando nos dedos quanto falta até a volta às aulas, obrigada). A gente já voltou pra cidade, mas não quero nem saber – ainda antes do final das férias ainda corro para alguma praia pra mais alguns mergulhos com o Francisco. Enquanto isso dá pra matar a saudade do mar e da água (socorro, calor!) num livro mais lindo que o outro. Vamos à lista!

1. Se você quiser ver uma baleia

Faz tempo que eu tô pra falar desse livro – ele é tão especial que merecia fácil um post só para ele, mas não resisti em colocá-lo nessa lista relacionada ao mar. É na verdade um livro sobre paciência, espera e observação. Tudo isso tratado de um jeito bonito demais – a começar pelas ilustrações, de Erin E. Stead. Já falei de um bocado de livros ilustrados por ela aqui – seus desenhos são delicados, à lápis, com técnicas de impressão em linóleo. O texto, de Julie Fogliano, é quase poesia:

“se você quiser ver uma baleia

vai precisar de uma poltrona não muito gostosa

e de uma coberta não muito quentinha

porque olhos com sono não enxergam baleias

e baleias não esperam para serem encontradas”

Para ver uma baleia, ou o que quer que seja, é preciso foco, concentração – tudo ao redor do rapazinho do livro é lindo demais, ele observa com cuidado e às vezes se perde. Mas é a baleia que ele quer ver – e no final, lá está ela, nadando soberana sob o pequeno barquinho. Toda vez que leio com o Francisco, ao chegar na última página, na qual o menino dá de cara com a baleia, ele celebra. Fica à espera atento e observa tudo junto personagem – é um livro para se ler nas horas de calmaria, antes de dormir. A edição brasileira é da Pequena Zahar, e sai 39,90 na loja virtual da editora. Mas se liga que nas Lojas Americanas está com um bom desconto: lá o livro sai por 23 reais.

"se você quiser ver uma baleia, vai precisar de tempo para esperar"

se você quiser ver uma baleia (editora pequena zahar)

baleia02

aaaaah! olha lá a baleia!

2. Uma onda pequenina

Aqui o tema é o medo do desconhecido, do escuro do fundo do mar, de tubarão. Mas o medo bravamente vencido – nesse livro, nós, os leitores, vamos desbravando o mar junto com o menino da história. A ideia é bem essa: um livro interativo, como todos os outros da Coleção de Cantos Redondos da editora portuguesa Planeta Tangerina (já falei de outro sensacional da coleção aqui, o O Que Há). Junto ao menino de bochechas rosadas vamos descobrindo cada canto do mar e da página, seguindo suas braçadas pelas linhas do livro, procurando objetos (chupeta, peixe, cereja, cabeça de boneca no fundo do oceano) e observando detalhes:

“De vez em quando o menino mergulhava,

a ver se encontrava uma alga

um peixe prateado

ou qualquer outra notícia fresca

que pudesse trazer à tona…

Mas o mar ali era só água.

Água e mais água,

e a seguir da água, mais água

em todas as direções.”

Difícil é resistir à vontade de dar um mergulho depois de lê-lo. O texto é da portuguesa Isabel Minhós Martins e as ilustrações da brasileira Yara Kono. Para comprar, só em Portugal mesmo (ai a saudade da terrinha!) ou pelo site da editora: custa 12 euros mais as taxas de envio para o Brasil.

leitura para a beira do mar :)

uma onde pequenina (editora planeta tangerina)

"descubra a única rocha que não está a dormir" - descobriu?

“descubra a única rocha que não está a dormir” – descobriu?

3. A vida na água

Tá mais pra obra de arte esse livro, essa é a verdade. Quando vi pela primeira vez na livraria, foram a textura e as cores dele que me chamaram a atenção – é todo de confecção artesanal, da costura e encadernação até os papéis e as impressões em serigrafia. Uma das nossas aquisições mais bacanas dos últimos tempos, dos preferidos do Francisco e meus também. O livro reúne ilustrações do artista indiano Rambharos Jha de seres que habitam a água, seja rio ou mar. São serpentes, caranguejos, jacarés e peixes desenhados no estilo Mithila, um tipo de pintura popular no leste da Índia. Com padrões precisos e cores (muito!) vibrantes, os animais saltam aos olhos. Os textos que acompanham as ilustrações são curtos e trazem os comentários do artista, repletos de memórias. Lançado originalmente pela Tara Books, editora independente do sul da Índa, no Brasil a edição caprichada ficou por conta da Martins Fontes. O livro sai em torno de 50 reais em livrarias online. Dá vontade de fazer de cada página um quadro, sem brincadeira.

a vida na água (editora martins fontes)

a vida na água (editora martins fontes)

avidanaagua02

ilustrações e memórias do artista indiano rambharos jha

avidanaagua03

ok, nenhuma foto é justa com as cores sensacionais do livro – eu bem que tentei!

***


4 Comentários

  1. Oi Daisy…
    Simplesmente amei o seu blog. Amo livros, amo falar sobre livros e desde que meu pequeno nasceu amo literatura infantil…
    E também compartilho no meu blog as minhas descobertas na literatura infantil junto com o pequeno. Se quiser conhecer o blog, dá uma olhadinha neste link: http://www.verdemae.com/2014/09/rafael-literario-pedro-e-tina-uma-amizade-muito-especial.html
    Um bjão,
    Jaqueline Lima

  2. […] da paciência e da observação. Aqui no blog apareceu há bem pouco tempo numa lista que fiz com livros para ler perto do mar – mas tenho certeza que na escola vai render uma boa conversa também. Só as ilustrações […]