9 jan 2016

cinema: O Bom Dinossauro

Escrito por
E mais! filmes e cinema

Ontem foi dia de ir ao cinema – essa é a parte boa de passar as férias na cidade, usar e abusar do que ela tem a oferecer. É o segundo filme das nossas férias – o primeiro foi Star Wars, no domingo, filme “de criança grande” que o Francisco estava ansioso para assistir. Rolou uma certa inquietação no final, mas as cenas de naves, lutas com sabres e aventuras mantiveram o garoto grudado na cadeira. O de ontem foi filme de criança pequena mesmo – mas cá entre nós, fez a adulta a aqui chorar (pois é).

“O Bom Dinossauro”  parte de uma ideia divertida: e se aquele tal meteoro que acabou com a vida dos dinossauros na terra tivesse passado reto? Os seres humanos surgiriam, a vida seguiria – mas entre homens, dinossauros e outros seres. Na história, conhecemos Arlo, um dinossauro adolescente, um tanto quando desengonçado, que um dia se perde de sua família. Arlo conhece Spot, um menino que mais parece um cãozinho – os dois, depois de alguns encontros, viram bons companheiros.

A aventura se passa enquanto os dois tentam buscar a família de Arlo – e nesse caminho, muita, muita coisa acontece. Tem momentos de muito humor, outros de emoção – o filme aborda o medo e a morte de uma forma delicada, especial. É bonito demais! Difícil não se divertir e se emocionar! 🙂

Assista ao trailer:

***


4 Comentários

  1. Sheila Loianne disse:

    Ownt!!!!! Esse filme é lindo!!!! Adorei! Adoro livros e filmes infantis. Esse filme aborda diferentes temas de uma forma simples e clara para criança: medo, coragem, superação, responsabilidades, amizade, morte. Eu recomendo muito este filme. Tb foi o segundo filme que assisti com a Ana. Bjs pra vcs!

    • Daisy disse:

      eu também a-do-ro livros e filmes infantis – sou bem suspeita pra falar né? te contar que até dei uma choradinha nesse filme, ô coisa mais linda! beijão grande! 🙂

  2. Natalia disse:

    Tb dei várias choradinhas, rs!
    Mas Dante me acompanhou nas lágrimas!
    Incrível, como uma criança com 3 anos tem sensibilidade para se emocionar com esses assuntos, né?!
    Filme lindo e sensível!!

    • Daisy disse:

      Dante, que nome mais lindo! <3

      Também fico impressionada como as crianças mostram sensibilidade pra coisas que às vezes a gente acha que passa despercebido...mero engano! 🙂