aplicativo: Dragoberto

Olha, deixa eu confessar: não sou muito fã de tablets e coisas do tipo não. Eu até queria gostar, mas não tenho paciência, e não sei, acho que as coisas não funcionam direito na minha mão (existe isso, será?). Mas né, esse mundo tecnológico aí, essa criançada antenada, é bom que eu aprenda a mexer nessas coisas todas e o Francisco também, como não? 🙂

Esses dias vi a indicação de um livro digital chamado Dragoberto, na Revista Crescer, e fiquei curiosa. Baixei para o Francisco e pronto, foi amor à primeira vista!

screen-1

A história é bonitinha demais: a maior diversão dos dragões é destruir aldeias e comer churrasco, mas não pra esse cara aqui. Dragoberto gosta mesmo é de imaginar aventuras e comer melancia. Problema é a hora de cuspir as sementes – imagine só um dragão cuspidor de fogo tentanto cuspí-las. Um dia ele descobre que existe uma terra, muito longe, onde as melancias não têm sementes – o livro é a história dele em busca dessa terra, suas aventuras.

screen-2

O aplicativo tem três possibilidades de locução e de texto: em português, espanhol e inglês. Dá também pra deixar off, mas acho legal justamente ouvir outra pessoa contando a historinha pra gente, tão gostoso. Algumas das páginas são interativas, dá pra brincar com elas. Fazer Dragoberto voar, pintar uma fotografia (minha parte preferida), apagar o fogo com a água (a parte preferida do Francisco).

É divertido, quase uma brincadeira. Aqui em casa funciona bem, menos pra hora de dormir. É difícil convencer o Francisco a desligar o tablet depois de ler a historinha, então prefiro deixar par as outras horas. Por enquanto, na hora da cama, só livrinho tradicional mesmo, de papel. Nas outras horas, vale tudo!

***

O livro é disponível só para ipad e custa U$3,99 o download.

Mais informações aqui e na página da editora E-Stilingue.

3 comentários

  1. Olá!

    Estou desesperadamente tentando baixar o Dragoberto, mas sempre que entra na Itunes Store diz que não está disponível na app store brasileira. Vocês poderiam me auxiliar?
    Auardo,
    Roberta

Vamos conversar?