especial viagem à disney – dia 3, hollywood studios

Tá aí meu parque preferido de todos: Hollywood Studios. Desde sempre – foi só eu entrar nele na sexta-feira, nosso terceiro dia de viagem, pra vir toda aquela nostalgia e saudade dos tempos em que eu era criança e vinha para cá. O Hollywood Studios tem aquela cara de cinema, de cenário antigo, é a coisa mais bonita. Mas não o melhor parque para os bem pequenos não – são poucos os brinquedos em eles podem ir. Ainda assim, valeu, valeu muito.

IMG_1115

Dessa vez fui mais esperta: fiz um planejamento prévio – quer dizer, não tão prévio, mas prévio-noite-anterior, junto ao concierge do hotel. Aliás, essa é uma coisa bacana aqui: pessoal ajuda mesmo e está na maioria das vezes feliz em fazê-lo. Foi ele quem me alertou, aliás, que o parque poderia não ter muitas atrações para o Francisco, e me deu as dicas de quais nós não poderíamos perder. Então reservamos os FastPass das top 3, imprimimos e pronto, fui com eles prontos em mãos – o único que não conseguimos foi o FastPass do mais importante e divertido de todos para os fãs de Toy Story: o Toy Story Mania, atração 3D super interativa. Essa é imperdível – e mesmo com nossa pequena antecedência, não deu pra reservar – já estavam esgotados. O jeito seria encarar a fila.

orgulho de mim mesma: dicas do parque, mapa, fastpass e tudo pronto, até a reserva do café da manhã. tô aprendendo, gente!

orgulho de mim mesma: dicas do parque, mapa, fastpass e tudo pronto, até a reserva do café da manhã. tô aprendendo, gente!

Então fomos cedo ao parque – primeiro, uma parada no Cape May Café, que fica dentro do Beach Club Resort, outro hotel da Disney. É perto do Hollywood Studios, e lá tem aquele café da manhã com os personagens, coisa que a criançada adora. Fomos de carro e 9 da manhã estávamos lá – tem que fazer reserva antes, sem falta. Foi uma delícia, mais um café da manhã colossal, cheio de visitas divertidas à mesa: o Pato Donald, o Pateta e a Minnie vieram nos cumprimentar. Francisco fez uma manha feia no início – chorou, não quis tirar foto, fez birra. Mas passou – e logo ficou feliz da vida em conhecer seus personagens favoritos.

IMG_1091

passada a birra inicial, francisco ficou feliz da vida em conhecer os personagens. e o vovô também!

Terminado o café da manhã, partimos para o Hollywood Studios. Já senti o coração bater mais rápido logo na entrada, coisa linda. Nosso primeiro FastPass era o show 3D do Muppets, muito engraçado, outro que me lembrou demais a época de pequena (quanta nostalgia, socorro). Depois dele fomos à fila do Toy Story: 50 minutos de espera. Mas valeu, valeu muito. A própria fila é divertida, cheia de brinquedos gigantes, aqueles mesmos dos filmes. O brinquedo em si então, nem se fala.

IMG_1133

francisco pronto pro toy story mania, de óculos 3D e tudo!

Depois do brinquedo mais esperado, mais dois, ambos musicais, no palco: Disney Junior (divertido pra criançada que curte o Mickey Mouse Club) e o Beauty and The Beast – esse eu achei lindo, mas o Francisco não muito, viu? De resto, só passeios pelo parque – lanches (alô 5 quilos a mais), lojinhas, personagens, shows nas ruas. Os brinquedos top vão ter que ficar pra uma próxima vez, mais uma vez – Francisco ainda não tem altura suficiente (e nem coragem ou idade) para eles: Rock’n’Roller Coaster, Tower of Terror e Star Tours, o passeio do Star Treck. Todos legais demais, mas para os grandes.

IMG_1145

“ai mãe, mais um musical?” – mas depois ele se divertiu, eu juro!

Ainda assim, eu digo: vale levar os pequenos sim. Foi muito divertido. A gente voltou cedo pra casa, perto das 5 da tarde – a gente até queria ficar até o Fantasmic, o show de fogos e luzes do Hollywood Studios. Mas não dava, cansaço demais – mais uma vez, com criança pequena não dá. Talvez se tivéssemos ido mais tarde. Aliás, tá aí uma recomendação que eu faria: com os pequenos, vale ir ao Hollywood Studios mais tarde, para aproveitar os poucos brinquedos que eles têm acesso e também o show final.

IMG_1167

No final, voltamos cedo, tomamos e banho e saímos jantar em um restaurante italiano no centro da cidade, o Maggiano’s Little Italy – lugar delicioso! Um tanto quanto fino, mas com cardápio para crianças, ambiente gostoso, comida e vinhos impecáveis. Altamente recomendado pelo trio aqui. 🙂

Vamos conversar?