O Touro Ferdinando, de Munro Leaf e Robert Lawson

Flores a Touradas

Semana passada fomos ao cinema assistir a “O Touro Ferdinando” – ô historinha graciosa! O filme arranca boas risadas e também emociona: é impossível não sentir empatia pelo pequeno Ferdinando e toda sua pacificidade. A inspiração do longa (que, dirigido pelo brasileiro Carlos Saldanha, concorre ao Oscar de melhor animação) foi esse livrinho aqui, publicado lá nos anos 30. Ferdinando é um pequeno touro que prefere flores às grandes touradas – e vive tranquilo, mesmo sendo tão diferente dos seus companheiros.

Um dia, ao se sentar sob sua árvore preferida, é picado por uma abelha – e leva um baita susto! Afoito, sai pulando para cima e para baixo – e é visto por um grupo de toureiros que juram ver ali um animal muito do feroz. Levado para a arena, cercado por bandarilheiros e picadores, Ferdinando se recusa a lutar. Prefere sentir o perfume das flores que enfeitam os cabelos das mulheres na plateia! Na época de seu lançamento, o livro chegou a ser banido de países com regime ditatorial – e desde a época já foi traduzido para mais de 60 idiomas. Com toda sua simplicidade e delicadeza (e ilustrações em preto e branco), é um clássico atemporal sobre paz e tolerância.

Assista ao trailer do filme:

***

Vamos conversar?