oi! meu nome é daisy e aqui eu compartilho minhas aventuras literárias (e mais), com meus filhos francisco, de 6 anos, e vinícius, ainda bebê. seja bem-vindo! Leia mais



30 nov 2016

Nossas Primeiras Leituras – 0 a 4 meses

Escrito por
Fases e momentos especiais, Leitura com Bebês

Coisa que eu gosto demais de fazer é já curtir livrinhos com o Vinícius. Sabe, confesso que nunca fui daquelas mães muito criativas que arranjam mil coisas para fazer com o bebês – na verdade, sou daquelas que ficam até ansiosas, sem saber bem o que fazer com a criança pequenininha em casa. Pois é! Descobrir a delícia de ler com bebês foi legal demais quando o Francisco era pequenininho por isso – e está sendo mais legal ainda com o Vinícius, agora com tantos novos livros e tantas novas histórias.

Adoro aproveitar esses momentos que ele está bem desperto, calminho, catar um livrinho da estante e ler junto dele. Vou lendo devagarinho, fazendo vozes e entonações, caras e bocas (quero nem saber, só tem ele olhando mesmo!). É momento de aconchego, de diversão. Nesse vídeo divido com vocês alguns dos livros que mais curtimos nesses 4 meses de vida do rapazinho. 🙂

1. UM ABRAÇO PASSO A PASSO

um-abraco-passo-a-passo

“Um Abraço Passo a Passo” é talvez o livrinho que mais lemos nesses meses. Apesar da indicação da editora ser para crianças em fase de alfabetização, os versos rimados e cheios de música do Tino Freitas e as ilustrações super coloridas da Jana Glatt chamam muito a atenção do pequetico, que fica assim ó: super atento! Na história, a gente acompanha os primeiros passos de um bebê – tem número, tem bichos, tem mamãe, papai, vovó. Já prevejo que esse vai ser um daqueles livros lidos e relidos até o infinito, ufa! Publicado pela Editora Panda Books.

2. EU GRANDE, VOCÊ PEQUENININHO

eu-grande-voce%cc%82-pequenininho

Esse livro é uma graça: traz as palavras de um esquilo-pai ao seu esquilo-filho, pequenininho. O pai brinca comparando: “você pula, eu sou o colchão; você a mil, eu cansadão; eu forte, você carregado; eu cansado, você acordado.” O texto é curtinho, repleto de rimas delicadas e cheias de humor – uma delicia de serem lidas em voz alta com os pequeninos! Daqueles livros que emocionam os pais (dica de presente legal pra caramba, hein?) e divertem as crianças – combinação linda! Da Companhia das Letrinhas.

3. PASSARIQUES DO MEU QUINTAL

passariques-do-meu-quintal

Ler um limerique por dia podia muito bem ser indicação para mau-humor. Tá bravo? Ah, vai ler um limerique! Pra quem não sabe, limeriques são versinhos curtos, malucos e geralmente engraçados, divertidíssimos de se ler (e se inventar!) com as crianças. “Passariques do Meu Quintal” traz limeriques sobre pássaros inusitados, com texto e ilustrações de uma dupla muito querida da nossa biblioteca: Blandina Franco e José Carlos Lollo. As ilustrações em aquarela são lindas, os pássaros grandões: chamam a atenção nas paginas compridas do livro! E um bônus: no final há alguns limeriques inéditos da Tatiana Belinky, numa divertida participação especial. Publicado pelo selo Globinho, da Globo Livros.

4. TÁ TUDO BEM, NENÉM

ta-tudo-bem-nenem

Esse livro já passou por aqui antes, em um especial que fiz sobre leitura com bebês no início do ano. Mas é tão, tão legal que volta pra lista – até porque é outro que venho curtindo demais com o Vinícus! Em “Tá Tudo Bem Neném” vamos descobrindo que bichos fantásticos estão mexendo nos objetos do bebê. Uma sereia de mãos ligeiras esconde a mamadeira, um gorducho diabinho senta no troninho. O texto é curtindo, as rimas deliciosas. Pra brincar de descobrir junto com os pequenos e ter divertidas surpresas. E as ilustrações…fantasia, esquisitice, beleza, tudo no estilo da incrível Emanuelle Houdart. Publicado pela Edições SM.

***

Para conhecer outros livros legais de curtir com bebês, tem outro post aqui. 🙂

***


13 out 2016

Puns, Melecas e Afins – Livros para Rir!

Escrito por
Divertidos, Livros, Para dar risada

Tem coisa melhor que ler um livro e dar risada? Aqui em casa um assunto que sempre faz sucesso é pum, meleca ou coisas do tipo: livros com histórias melequentas, absurdas e muito hilárias. Esses são quatro dos preferidos do Francisco no momento – todos com alguma coisa em comum!

Assista ao vídeo:

 

1. O PUM E O PIRIRI DO VIZINHO

o-pum-e-o-piriri-do-vizinho

Se você ainda não conhece o cachorro Pum (acho difícil), não sabe o que está perdendo. O cão mais querido da literatura infantil já aprontou um bocado – o Pum já foi solto na escola, já escapou no parque, já deu trabalho! Em sua quarta aventura, “O Pum e o Piriri do Vizinho”, Pum e família ficam encarregados de cuidar do cachorro do vizinho, o Piriri (que aliás é filhotinho do Pum e da Couve-Flor). Só que não é fácil segurar o Piriri não, que quando chega, chega chegando! Não bastasse o Piriri, também vem o gato do vizinho junto, o Chulé – mas esse pelo menos é mais discreto. Com tanto Pum, Chulé e Piriri numa só história, é impossível ler com a criançada sem causar (e também dar) gargalhadas! Da Companhia das Letrinhas.

2. MAMÃE JÁ FOI PEQUENA ANTES DE SER GRANDE

mama%cc%83e-ja-foi-pequena-antes-de-ser-grande

Que pum, meleca e peraltices em histórias fazem a criançada rir alto todo mundo sabe – agora imagine só tudo isso ligado a uma figura tão comportada como a da…mãe da gente. “Mamãe Já Foi Pequena Antes de ser Grande” brinca com texto e imagem, que se contradizem e fazem rir! A mãe que sempre raspava o prato, que nunca, nunquinha falou um palavrão, que jamais sentiu ciúme do irmão. Será mesmo? Livrinho hilário, muito do politicamente incorreto e delicioso, publicado pela editora Rocco.

3. SHREK

shrek-livro

Os pais de Shrek eram feios de dar dó, mas Shrek nasceu mais feio ainda. Era verde, narigudo, exalava maus cheiros e ainda por cima não era nada bom. Quando saiu de casa (enxotado pelos pais, coitado), cruzou com uma bruxa que lhe garantiu: encontraria, um dia, uma princesa. O ogro então partiu mundo afora, determinado. No caminho, cruzou com dragões, adentrou florestas misteriosas, afungentou árvores, pessoas, raios e trovões. Mas quando finalmente encontrou a tal princesa, não teve dúvidas: ela era tão asquerosa quanto ele, só podia ser mesmo a mulher da sua vida! Publicado pela primeira vez em 1990, é esse o Shrek que inspirou o filme: sua história tem muita meleca, aventura e humor – e um final digno de conto de fadas! Da Companhia das Letrinhas.

4. A INCRÍVEL HISTÓRIA DO MENINO QUE NÃO QUERIA CORTAR O CABELO

a-incrivel-historia-do-menino-que-queria-cortar-o-cabelo

Tá certo que grande parte dos livros preferidos do Francisco no momento envolvem histórias com melecas, fedores e bagunças. Mas no caso desse aqui, envolve também baba de cachorro bravo, casco podre de cavalo e até pelo de sovaco de macaco! No alto de uma montanha morava um garoto com sua mãe – o garoto não era nada fácil, era birrento, teimoso e o pior: detestava tomar banho e escovar os dentes. A mãe já não sabia o que fazer e resolveu inventar uma história, com a intenção de amedrontar mesmo o filho: dizia que existia um tal bruxo malvado, repleto dessas melecas todas, que colecionava crianças. Suas presas preferidas, claro, eram as crianças birrentas. Ele as descobria pelo seu cheiro! A história era inventada, mas um dia, adivinhem só: fugindo do barbeiro da cidade, que tentava dar um jeito naqueles madeixas grudadas e fedidas, o menino foi pego por mãos compridas, com unhas gigantes repletas de musgo e lama…e aí, só lendo o livro pra descobrir o final! Publicado pela Editora Evora.

***


8 jul 2015

5 livros divertidos para dar risada

Escrito por
Livros

O papo do último vídeo foi um tanto quanto sério – então agora é vez de descontrair mesmo, sem medo de ser feliz. Aproveitando as férias de inverno que já chegaram pra muitas crianças, escolhi cinco livros super divertidos para fazer todo mundo dar risada – a seleção tá bacana, ó só:

1. DEIXEI O PUM ESCAPAR

O cachorro Pum já apareceu algumas vezes aqui no blog – é que ele é engraçado demais e o Francisco adora suas histórias e bagunças sem fim. Desde o primeiro livro, o “Quem Soltou o Pum?”, a gente adquiriu todos os livros impressos (são três) e o digital. Leu e releu infinitas vezes – e não adianta, todas as vezes o Fran ri alto. É que o trocadilho do cachorrinho Pum é uma das sacadas mais engraçadas e divertidas da literatura infantil, sem brincadeira – eu desafio a criançada a ler esse livro sem esboçar pelo menos um sorrisinho. Aqui, nesse livro, o Pum vai passear no parque. A idéia é soltar o Pum lá, porque ao ar-livre ninguém reclama, né? Mas o Pum escapa – e foge para longe. Aí é só desespero, tia Clotilde e família buscando como podem o cãozinho. Mas no final dá tudo certo – ele volta, e ainda traz companhia. Da Companhia das Letrinhas.

pum01

pum02

2. ATÉ AS PRINCESAS SOLTAM PUM

No ano passado eu fiz uma lista de 10 livros bem legais pra presentear a criançada no Natal, lá no Vida Materna – esse era um deles! É um livro que eu adoro dar de presente pra meninada que curte princesas e afins – tem todas as princesas que as crianças piram, mas com um diferencial bem engraçado: aqui elas também soltam pum. A menina Laura vem perguntar para seu pai se é verdade esse papo: as princesas também soltam pum, pai? Então lá vai o pai atrás de um volumoso livro cheio de respostas inesperadas. E não é que sim, as princesas também soltam pum, como a gente? E não apenas isso; aqui a gente descobre que as badaladas do sino da meia-noite ajudaram Cinderela a disfarçar um acidente daqueles, por exemplo. E a Branca de Neve desmaiou foi com um pum tóxico, e não com a maçã, como dizem os contos de fadas por aí. Pra rir mesmo! Escrito por Ilan Brenman, publicado pela Brinque-Book.

princesas01

princesas02

3. MAX, O CORAJOSO

A história do gatinho Max fez o Francisco rir um bocado – é que o Max é esse gatinho fofo e bonitinho que não quer mais ser visto assim. Ele quer ser visto com um muito corajoso caçador de ratos – coisa que tá bem difícil, porque olha, nem saber o que é um rato ele sabe. Então o Max sai em busca do tal rato – pergunta pra peixe, passarinho, coelho, elefante: você é um rato? Quando de fato ele se depara com um rato, esse, muito esperto, diz que é na verdade um monstro – e aponta ali para o que segundo ele é um rato. Só que ele aponta para o montro, e aí o Max se dá um bocado mal, claro. O livro é engraçado e hiper-colorido – cada página é de uma cor diferente, e a leitura é colorida e muito divertida. Escrito e ilustrado por Ed Vere, publicado aqui no Brasil pela Companhia das Letrinhas.

max01

max02

4. O GATO, O CACHORRO, CHAPEUZINHO, OS OVOS EXPLOSIVOS, O LOBO E O GUARDA-ROUPAS DA VOVÓ

O título é longo, mas não vale se intimidar com ele não – o livro é divertido e muito diferente! O gato, sentadinho muito confortável, tenta ler a história da Chapeuzinho Vermelho. Mas quem disse que consegue? O cachorro interrompe querendo saber coisas do tipo: qual o poder dessa chapuzinho? Cadê ovos explosivos, cadê raio de bondade – ele quer é uma história cheia de aventura e ação. E também quer entender porque, por exemplo, o lobo-mau já não come mesmo a chapeuzinho, porque tem que ir atééé a vovozinha – e faz mil perguntas. É divertido o jeito como a conversa acontece, as ilustrações misturadas ao texto, lembra quadrinho. Daqueles livros que exigem altas vozes, barulhos e emoção na hora da leitura, divertido demais! Da editora WMF Martins Fontes.

chapeuzinho01

chapeuzinho02

5. PRESOS

Já falei desse livro por aqui quando indiquei livros infantis em inglês que a gente curte. A boa notícia é que tem edição do livro por aqui, e olha, esse é um dos livros mais divertidos que já nos passou pelas mãos, sem brincadeira. Um garotinho prende a pipa em uma árvore, enquanto brinca. Pra tirar a pipa de lá, ele joga seu sapato favorito…que fica preso também. Aí o outro pé do sapato pra tirar o primeiro, o gato pra tirar o segundo, uma escada para tirar o gato, um balde de tinta pra tirar a escada – e bem, aí dá pra imaginar a bagunça que a árvore vira. É engraçado porque ele joga as coisas mais absurdas, como um navio, um orangotango e até um caminhão de bombeiros – mas no final dá tudo certo, pelo menos pra pipa. Ela é resgatada, mas fica tudo lá, preso – é muito engraçado! As ilustrações do Oliver Jeffers são divertidas demais, o livro é uma delícia de ler. Imperdível, de verdade!

presos01

presos02

***