oi! meu nome é daisy e aqui eu compartilho minhas aventuras literárias (e mais), com meus filhos francisco, de 7 anos, e vinícius, de 1 ano. seja bem-vindo! Leia mais



15 jun 2016

Livros Sobre Livros! (Parte 1)

Escrito por
Destaques, Divertidos, Listas de Livros, Para dar risada

Vamos combinar: livros são tão legais que até rendem assunto para outros…livros! Dia desses recebi uma sugestão divertida de pauta lá no instagram: que tal fazer uma lista de livros sobre livros? Aceitei o desafio e resgatei da nossa biblioteca (e da Biblioteca Pública também) alguns livros bem legais que tratam do assunto – essa é a primeira parte da seleção! 🙂

1.É UM LIVRO

Tanta gente já me indicou esse livro que era hora de finalmente conhecê-lo! Esse a gente pegou lá da Biblioteca Pública do Paraná, e foi uma daquelas descobertas deliciosas: Francisco riu alto com a história. De uma simplicidade genial, traz o hilário diálogo entre um macaco e um burro. O macaco lê um livro, o burro brinca com seu laptop – e esse último não se conforma que o tal livro que o macaco lê não interage, não faz barulhos, não faz…nada! Bem, isso até ele mergulhar no tal livro e perceber que ali há todo um universo à espera dele. História super atual, divertida homenagem ao velho e bom livro – vale ver a animação no youtube também, é muito legal! Publicado pela Companhia das Letras.

e-um-livro

2. O QUE CABE NUM LIVRO?

Esse é o livro mais novo da lista, lançamento recente da Editora Panda Books (antes era publicado pela DCL). Escrito por Ilan Brenman e ilustrado pelo Fernando Vilela, é um livro de poucas palavras e muita cor, bem divertido de curtir com os pequenininhos. A brincadeira toda gira em torno dessa pergunta: já pensou quanta coisa cabe num livro? Em um livro cabe tudo que a imaginação permitir, e nesse aqui cabem dinossauros gigantescos, joaninhas, baleias, pulgas, uma família toda e até…o próprio livro dentro do livro! Bacana também é descobrir qual foi a inspiração do Ilan Brenman para escrever esse livro nesse vídeo aqui – aposto que vai ser uma supresa!

o-que-cabe-num-livro

3. SE EU FOSSE UM LIVRO

Esse é um livro pelo qual tenho muito carinho – pela linda edição, pelas ilustrações tão bonitas, pelo texto cheio de poesia e pela homenagem sem igual que ele faz ao livro em si. Escrito por José Jorge Letria e ilustrado por André Letria, pai e filho, ele brinca com as possíveis expectativas de um livro diante de seu leitor. É poesia pura, coisa linda de ler – e até emociona! Amo demais como as ilustrações complementam com maestria o texto, sempre muito criativas, sempre do livro em algum papel especial, cheio de metáforas – seja como uma muralha, como um túnel, cavalgado por um cowboy ou iluminando uma rua deserta. Nossa edição é portuguesa, da Pato Lógico, mas no Brasil o livro saiu recentemente pela Globinho. Imperdível!

Ah, há uma animação muito bacana do livro disponível no youtube, narrada pelo próprio autor com seu lindo sotaque português – vale demais assistir! <3

se-eu-fosse-um-livro

4. LIVROS! (“BOOKS”)

Esse é outro livro-homenagem, verdadeira ode ao livro impresso. Publicado pela primeira vez em 1962, faz uma viagem por dentro de um livro físico – desde como ele é feito, do que é formado, até seu conteúdo tão diverso de palavras, pontuações, histórias e surpresas. O barato do livro é justamente o projeto editorial dele, muito diferente e inovador – as cores, a tipografia, é tudo surpreendente! Nossa edição é americana, publicada pela Ammo, mas no Brasil o livro saiu pela Pequena Zahar numa edição bem pequenina (porém similar à original da década de 60). Pra quem ama um livro muito do diferente!

books

books2

5. COMO ENSINAR SEUS PAIS A GOSTAREM DE LIVROS PARA CRIANÇAS

O último livro dessa primeira parte da lista é no mínimo altamente útil – além de ser muito engraçado, divertido e cheio de fantasia! Parte dessa brincadeira de como ensinar os pais a gostarem dos livros infantis, e aborda aquele moralismo que às vezes rola na hora de escolher os livros das crianças: afinal, pode falar de morte? De sexo? Tá tudo bem se um cocô fizer parte da história? Ufa, ainda bem que pode, que tá tudo bem, e que nenhuma outra literatura consegue abordar esses temas com tanta delicadeza e simpatia. Pra ler em família, rir um bocado – e ainda brincar de procurar as muitas referências de outros clássicos infantis em meio às ilustrações. Da Pulo do Gato.

como-ensinar-seus-pais-a-gostarem-de-livros-para-criancas

***


10 maio 2016

Contêiner, de Fernando Vilela

Escrito por
Destaques, Divertidos, Livros, Livros-Imagem, Novidades e Lançamentos

Que o artista Fernando Vilela tem os livros mais bonitos todo mundo sabe – suas ilustrações com gravuras, carimbos e recortes são um deleite para os olhos! Em “Contêiner”, seu mais novo livro, lançamento da Pequena Zahar, a gente viaja junto com um cão e uma gata por navios, contêineres e portos do mundo. É um livro-imagem, sem texto algum – a gente vai acompanhando e seguindo a história toda através de ilustrações e cores fantásticas.

conteiner

A viagem começa na China – os bichinhos se perdem de seu dono e vão parar em um contêiner, e esse contêiner…dentro de um navio! Longa viagem, seguem os dois aprontando confusões até a Inglaterra, onde desembarcam no Porto de Tilbury para uma nova viagem, em outro contêiner, dessa vez até o Brasil. Depois do Brasil, retornam ao lugar de onde primeiro saíram, a China. Longos trajetos, divertidas aventuras: o barato é que a gente vai descobrindo por onde eles andam através das muitas referências de paisagem, através dos conteúdos das grandes caixas.

No final do livro há um mapa onde vemos cada lugar por onde passaram, os principais portos pelos quais a viagem seguiu: Francisco adorou descobrir cada um desses cantos (não resiste a um mapa, para falar bem a verdade). Fernando Vilela ainda conta um pouco da sua fascinação pelos portos e por suas belezas gráficas, guindastes, caixas e cores – toda a inspiração para esse livro tão bonito. 😉

***

Ah, a dica dessa vez também é em vídeo – a primeira de muitas que ainda pretendo lançar lá no canal (fase de testes, gente!):

***


4 maio 2016

Especial: Livros Infantis Sobre A Chegada de Um Irmão

Escrito por
A Chegada de Um Irmão, Destaques, Fases e momentos especiais, Listas de Livros

Quem me acompanha lá pelo instagram sabe que logo logo o Francisco vai ganhar um irmãozinho: o Vinícius deve chegar por aqui no final do mês de julho, comecinho de agosto, e as coisas já estão mudando. Francisco vai completar 6 anos também em breve, e todo esse tempo viveu como filho único – atenção exclusiva de mãe, vó, tios, gatos e companhia. Apesar de estar curtindo demais a espera pelo irmão, é lógico que alguma insegurança, ciúmes e muitas dúvidas fazem parte do processo. Por isso estamos conversamos bastante sobre isso – e nada como alguns livros divertidos que tornam o assunto mais fácil, lúdico e divertido! 🙂

1. QUERO NASCER DE NOVO

Da listinha de livros sobre a chegada de um irmão, esse é o que mais diverte o Francisco – a história é divertida, as ilustrações super coloridas e a linguagem muito próxima das crianças. Aqui, Sofia percebe que a barriga da sua mãe não para de crescer – tudo bem que ela já explicou mil vezes que ali está crescendo um irmãozinho, mas Sofia segue intrigada. Então ela faz mil perguntas: mas pera, como o bebê está se alimentando ali dentro? O que ele faz esse tempo todo? E esses peitos da mãe, por que crescem tanto junto com a barriga? As respostas, assim como as perguntas, são muito “na real”, sem firulas – e isso é o mais legal! A mãe explica, paciente. Mas Sofia decide que quer tudo aquilo, igual ao irmão: quer é nascer de volta! Pra dar boas risadas e de quebra conversar sobre o assunto sem medo. Escrito por Ilan Brenman e publicado pela Saber e Ler, por alguma razão não é um livro fácil de achar – o nosso encontrei na Livraria Cultura.

quero-nascer-de-novo

2. EU SÓ SÓ EU

Sabe aqueles livros que parecem que foram escritos pra você, pra determinada situação da sua vida? Pois então. Esse é o nosso. Um garotinho conta que a vida ia muito bem, obrigada, assim: eu só, só eu. O quarto era só dele, o balanço, o triciclo, o quintal, o abraço do pai e o colo da mãe. Até um dia que…chega um irmão. E as coisas mudam: ele agora tem um irmão, só dele. E isso só faz dele mais feliz! Delícia de leitura, cheia de ritmo e música. As ilustrações são lindas, de Yara Kono, e edição um capricho só! Da Editora Peirópolis.

eu-so-so-eu

3. TUDO MUDA

Já falei sobre esse livro por aqui há pouco tempo. Quando chegou aqui em casa, não sabia do que se tratava – e foi uma surpresa daquelas de arrepiar. A verdade é que todos os livros de Anthony Browne são assim, surpreendentes, intrigantes. A forma como ele aborda os assuntos mais delicados é impressionante, suas ilustrações super realistas (e ao mesmo tempo absolutamente surreais!) são uma verdadeira viagem – aqui, a gente acompanha a tensão do menino Gregório, que nota que as coisas estão mudando na sua casa. Cabe a nós observar cada mudança e perder-se nas ilustrações, não uma, mas infinitas vezes – porque cada leitura garante uma supresa. No final, é sua irmãzinha quem chega, e ufa! A tensão vira pura felicidade. Publicado no Brasil pela Pequena Zahar.

tudo-muda

4. Um Bebê Vem Aí

Esse é outro livro que o Francisco adorou – ele tem uma abordagem muito engraçada, divertida, mas ao mesmo tempo bastante sensível. Começa com a notícia da chegada do bebê, mãe e filho mais velho conversando à beira da cama. Então surgem as perguntas: quando? Como? Qual o nome dele? O desenrolar da história é em torno da imaginação do irmão: ele gosta de pensar o que o bebê há de ser quando crescer. Há muitas partes sem texto, mas com muita ação nas ilustrações, como um quadrinho – o Francisco adora essas páginas, sempre as possíveis profissões do bebê e muita bagunça. No decorrer da brincadeira, vamos notando a barriga da mãe crescendo, o cansaço surgindo – e o irmão indo junto com o avô finalmente conhecer seu irmãozinho. Um livro fofo, delicioso, numa edição bonita demais. Da Paz e Terra.

um-bebe-vem-ai

5. EU VOU GANHAR UM IRMÃOZINHO

Outro livro bonitinho que trata com delicadeza sobre a chegada de um irmão: Aline sabe que logo vai chegar um, só não entende bem por onde. Ela fica intrigada, as ruas são perigosas demais pra um bebê andar assim, e se pergunta: quem vai abrir a porta pra ele? Como ele vai entrar? O vovô diz que é a cegonha quem vai trazer, a avó vem com a história do repolho – mas nada de respostas concretas! Enquanto isso, ela só vai notando aquele barrigão da mãe que não para de crescer. Sorte que alguém da escola diz que é dali que vai sair do bebê (porque a mãe não disse antes eu não sei, viu?) – e então Aline vem correndo, AHÁ, então era isso! Tudo finalmente esclarecido, Aline vai dormir tranquila, ansiosa pela chegada do irmão. Um livro bem legal de curtir com o mais pequenininhos! Publicado pela Fundamento.

vou-ganhar-um-irmaozinho

***