oi! meu nome é daisy e aqui eu compartilho minhas aventuras literárias (e mais), com meus filhos francisco, de 6 anos, e vinícius, ainda bebê. seja bem-vindo! Leia mais



22 jul 2014

A Viagem dos Elefantes

Escrito por
Livros

A editora Pulo do Gato está fazendo uma promoção legal esse mês de julho: todos os livros do catálogo com 50% de desconto. Tá acabando já, mas dá tempo – e eu não sei vocês, mas eu curto demais essas promoções de editoras. É um jeito certo de comprar livros bacanas com descontos espetaculares e abastecer a biblioteca – mas tem que ficar de olho. Volta e meia as grandes editoras fazem isso: já fiz compras lindas e baratas na Cosac Naify e na Companhia das Letrinhas, por exemplo.

IMG_9455

A Pulo do Gato é uma pequena editora de São Paulo, mas não menos sensacional – é especializada em livros infanto juvenis e tem um catálogo de encher os olhos. Vale conhecer. Já falei de dois livros dela aqui: Um Outro País Para Azzi, história linda em quadrinhos e Os Incomodados Que se Mudem, releitura divertida da música dos elefantes que incomodam muita gente. Hoje falo de outro livro sobre elefantes, livrinho inspirador da editora: A Viagem dos Elefantes, obra do ilustrador colombiano Dipacho.

IMG_9467

Historinha de frases curtas e ilustrações bonitas demais, Dipacho faz uma metáfora sobre amar e viajar – às vezes é preciso ir embora, recomeçar, às vezes encontramos um lugar onde gostamos. Sua vontade era criar uma história através de formas geométricas – e assim fez. São cinco elefantes muito diferentes entre si (um é retangular, o outro redondão – todos muito simpáticos) que viajam através das páginas juntos com o leitor.

IMG_9472

Pra saber mais, só visitar o site da editora e conhecer o catálogo todo – vale passear por todos os livros sem medo de ser feliz. Essa semana ainda volto aqui indicar mais um de lá, pra ninguém perder a promoção. 🙂


18 jul 2014

A Fantástica Viagem SiderEspacial

Escrito por
Apps e livros digitais

Volta e meia eu procuro abastecer o iPad com aplicativos e livros digitais bacanas, especialmente antes de viagens – porque não adianta, mas não há coisa mais prática no mundo. Um tablet repleto de coisas divertidas é garantia de entretenimento pra criançada por um bom tempo, coisa que todo mundo uma hora deseja dentro de um avião, carro, restaurante ou em casa mesmo, oras. O difícil é escolher bons livros e aplicativos em meio a tanta coisa ofertada por aí – e muita coisa ruim, diga-se de passagem. É tanto aplicativo-cilada, daqueles que só seguem em frente se você comprar e comprar, que ninguém aguenta.

IMG_9352

Dos últimos aplicativos com jeito de livro digital que baixei, esse foi um dos que Francisco mais curtiu. Ele está numa fase planetas, estrelas e afins, e a viagem com a Dandara, menininha curiosa da história, faz ele viajar de verdade. A história é simples, mas divertida e cheia de curiosidades: Dandara e seu amigo dragão mágico fazem uma longa viagem para o espaço descobrindo os mistérios lá de cima.

IMG_9354

O dragão, amigo paciente e de voz grossa, responde todas suas perguntas e explica, cheio de didática, o porquê dos planetas serem redondos, como funciona a força da gravidade, o tempo que cada planeta demora para percorrer seu caminho em torno do sol. Foi com a Dandara e o dragão que eu e o Francisco descobrimos, por exemplo, que em Mercúrio, um ano dura 88 dias. Já em Netuno um ano são 165 anos dos nossos. Legal, né?

IMG_9356

A viagem termina depois de muitas perguntas respondidas e planetas visitados – e Dandara volta dormir tranquila, sonhando com as luas de saturno. Justamente por não permitir muita interação (a não ser alguns planetas que giram ao serem tocados, estrelas que mudam), é mais livro mesmo – então dá pra ler à noite, na cama, sem medo de agitar demais a criançada. Foi nossa leitura das últimas duas noites. A história é da professora de geografia Maíra Suertegaray, ilustrada por André Aguiar. A editora é a Módulo, e dá para baixar para Android e Apple – no itunes saiu por 2 dólares.


4 jun 2014

Cabeçudos, a livraria portuguesa.

Escrito por
E mais!

Estive ausente por um tempão aqui do blog, eu sei – mas a razão é boa: estive viajando por Portugal, de férias, sem Francisco e com muita saudade. Foi uma viagem deliciosa, e bem, lembram esses dias quando eu contei que desde que me apaixonei por literatura infantil comecei a querer visitar livrarias para os pequenos por onde eu andava? Pois então, fiz o mesmo em Portugal, e em Lisboa tive a chance de conhecer uma das mais bacanas de todas livrarias infantis que já conheci: a Cabeçudos.

foto 5

A livraria é demais – tem um espaço enorme para leituras (que acontecem todo final de semana) e outras atividades, e os livros, ah os livros! Pra quem tem verdadeira fascinação pela literatura infantil portuguesa como eu, a Cabeçudos parece mesmo um sonho. E foi muito legal mesmo – fui super bem atendida pela Raquel, proprietária da livraria, que não só me orientou na compra de livros como me sugeriu diversos escritores e ilustradores portugueses que eu ainda não conhecia.

Não tem coisa melhor do que ser atendida em uma livraria por quem conhece os livros que vende, por quem sabe o que indicar – e foi exatamente assim por lá. A Raquel conhece e aprecia todos os escritores, os ilustradores, as editoras com as quais trabalha, e isso é claro quando a gente ouve ela falar dos livros. No final das contas, saí de lá com quase 20 livros, que me encheram a mala de peso (afe!), mas fizeram a festa do Francisco quando cheguei em casa com eles. E é tanta coisa bonita, gente! Vou contando pra vocês sobre cada um deles e mostrando, porque é tanta coisa diferente e sensacional que não me aguento.

fotoOutra coisa que achei sensacional sobre a livraria: logo na frente dela, uma van estacionada, a Cabeçudos Itinerante. Dentro dela, um pouquinho de toda a livraria, toda organizadinha por idade (a separação é a seguinte: “conta-me historias”, “já leio um bocadinho”, “já sei ler” e “grande leitor”). Com essa van a Cabeçudos visita escolas pelo país, levando literatura a quem não tem acesso fácil a ela – coisa mais bacana:

foto 2

Saí de lá feliz da vida, só triste por não ter uma Cabeçudos aqui perto de casa. Mas a coisa boa é que a Raquel me prometeu que envia livros aqui para o Brasil também – então vamos mantendo contato e trocando dicas, já ficou combinado. Pra quem quiser conhecer mais sobre a Cabeçudos, vale entrar no site da loja e curtir no facebook também. 🙂