oi! meu nome é daisy e aqui eu compartilho minhas aventuras literárias (e mais), com meus filhos francisco, de 7 anos, e vinícius, de 1 ano. seja bem-vindo! Leia mais



8 fev 2016

Aula de Samba – A História do Brasil em Grandes Sambas-Enredo

Escrito por
Datas Especiais (Páscoa, Natal...), Destaques, Divertidos, Posts Especiais

Divertido mesmo é aprender história e geografia e nem se dar conta – ouvindo samba-enredos que marcaram nossa música, por exemplo. O livro “Aula de Samba – A História do Brasil em Grandes Samba Enredo” é um livro legal demais idealizado por Martinho Filho, filho de Martinho da Vila – reúne 11 sambas-enredos cuidadosamente selecionados que contam a história de nosso país. É conhecer as letras, o contexto e história de como foi composto e descobrir os fatos e personagens históricos de cada um deles, em textos deliciosos de Maria Lucia Rangel e Tino Freitas, fotos da época dos sambas e  ilustrações de ninguém menos que Ziraldo. O barato é que um cd ainda acompanha o livro, com todos os sambas-enredos cantados por grandes intérpretes: Chico Buarque, Lenine, Maria Rita, entre outros.

O primeiro deles, e talvez dos mais conhecidos, é o “Exaltação a Tiradentes” – coisa linda cantada por Chico Buarque.! Escrito em 1949 por Mano Décio, o livro conta que um dia Mano sonhou que estava catando uma música – acordou e pediu que sua mulher fizesse coro com ele. “Ficou tão animado que no dia seguinte faltou ao trabalho, comprou peixe na feira e preparou o almoço” – a letra ele escreveu se guiando no livro do primeiro ano de ginasial de sua filha, e conta a história de Tiradentes, primeiro grande mártir da Independência do Brasil. Foi traído, condenado e recebeu punição severa: foi enforcado, teve seu corpo esquartejado e exposto ao longo da Estrada Real, no dia 21 de abril de 1792. Não bastasse isso,  a Coroa Portuguesa ainda queimou sua casa, confiscou seus pertences e e ainda jogou sal no terreno para que nada fosse plantado lá.

Outro samba-enredo cheio de história é o “Dia do Fico”, composto 1962 por Cabana e cantado por Paulinho Moska nesse projeto. O sambinha conta a história do dia em que Dom Pedro I declamou a famosa frase: “Como é para o bem de todos e felicidade geral da nação, estou pronto: diga ao povo que fico!” – alguns meses depois o Brasil se tornaria independente de Portugal e teria seu primeiro imperador. Divertido é descobrir as curiosidades em torno desses momentos e das figuras: Dom Pedro I, por exemplo, tinha um nome comprido pra caramba: Pedro de Alcântara Francisco Antônio João Carlos Xavier de Paula Miguel Rafael Joaquim José Gonzaga Pascoal Cipriano Serafim de Bragança e Bourbon. Pois é!

IMG_1505

Além desses, há outros sambas-enredos cheios de história e curiosidades: “Dona Beja, A Feiticeira de Araxá” conta a história de Dona Beja, mineira nascida em 1800, cheia de modernidade para a época: era mãe solteira de duas meninas, generosa, inteligente e muito influente. Já “Heróis da Liberdade” fala sobre duas liberdades: a dos negros escravizados e do fim da dependência de Portugal. Daqueles livros que são para crianças, mas agradam e encantam os adultos também, mergulho cheio de ginga na nossa história! Publicado pela Edições de Janeiro.

***


4 jan 2016

livro digital: O Pequeno Livro de Hai-Kais do Menino Maluquinho

Escrito por
Apps e livros digitais

Livrinho digital e gratuito. :)

O hai-kai é um poeminha curto, de origem japonesa, de três pequenos versos – são divertidos de ler (e até brincar de criar!) com os pequenos, especialmente quando são engraçados e cheios de humor. Nesse livrinho digital, uma amostra do “Hai-Kais do Menino Maluquinho” (que tem versão digital e impressa) é Ziraldo quem se aventura na brincadeira e cria vários hai-kais através das palavras do seu personagem mais querido, o Menino Maluquinho. Sobre infância, brincadeira, descobertas.

Um gostinho, vai:

FullSizeRender 17

 

Dá pra baixar gratuitamente pela Amazon, no Google Play ou no iTunes! 😉

***

 


26 ago 2015

6 Livros Infantis daqui que valem muito conhecer

Escrito por
Livros

E não é que já estamos no décimo vídeo lá do vlog? Se você ainda não assina o lindo e fofo canal do youtube do blog, a chance é agora – já são 10 videozinhos de dicas de livros infantis bem legais. O tema dessa vez é especial (se bem que né, falou em livro infantil, falou em tema especial para mim!) – escolhi 6 livros de gente aqui de Curitiba, livros que valem a pena conhecer. Não foi fácil escolher só seis – o legal é tem de produção totalmente independente até um infantil do Leminski e do Ziraldo. Bora?

 

1. SEU VIZINHO É AQUELE QUE MORA AO LADO DO SEU CORAÇÃO

Livrinho de nome longo e cara muito simpática, foi um presente que o Francisco ganhou na festinha de 4 anos, ano passado. Desde então é um livro que volta e meia ressurge para ser relido e folheado. O texto é escrito pelo Eloi Zanetti, palestrante de marketing daqui – aí você pensa, mas pera, é um livro do tipo motivacional para crianças? Ufa, não – é um livro muito do bacana e criativo, que tem a intenção de falar da importância do trabalho em equipe, mas sem ser nada enfadonho. O papo sobre o trabalho em equipe surge através das mãos – o autor vai mostrando como os dedos trabalham juntos para fazer as coisas mais maravilhosas, como obras de arte, músicas, brincadeiras e muito mais. As ilustrações são divertidas e muito coloridas, e dão um charme especial aos textos. É um livro ensina algumas lições, bons modos, curiosidades mil (como os deficientes visuais lêem, por exemplo, através de um textinho em braile nas últimas páginas) e é bem divertido. Só visitar o blog do autor para mais informações.

seu-vizinho-e-aquele-que-mora-ao-lado-do-seu-coracao-01

seu-vizinho-e-aquele-que-mora-ao-lado-do-seu-coracao-02

2. OS ENTALADOS

A Flávia Scherner é uma artista curitibana, daquelas pessoas cheias de talento que transitam pelas artes com uma facilidade incrível. Ela atua, conta histórias, trabalha com design, faz cadernos para desenhos incríveis e ainda fez esse livro muito do bacana, totalmente independente. A história é da mãe dela, Solange Ribeiro, e foi a Flávia quem fez as ilustrações e o acabamento gráfico do livro. A impressão também ficou por conta das duas, assim como a divulgação e distribuição – um trabalho nada fácil, lógico. A história dos Entalados é engraçada e divertida: um elefante, movido pela curiosidade, acaba preso em uma casa. O mesmo acontece com os próximos bichos que vão ver o que rola por ali, e acaba ficando todo mundo entalado. É o lobo, com todo o ar de seu forte pulmão, quem acaba libertando os amigos. Um livro simples, delicado e sem pretensão, que vale muito conhecer. Disponível para venda e entrega em todo o Brasil pelo site da Livraria Cultura ou através da fanpage do livro.

os-entalados-01

os-entalados-02

3. TOCAR NA BANDA

Eu adoro indicar cantinhos gostosos aqui em Curitiba – e é atrás de uma galeria de tarde, no jardim de uma linda casa de pedras, que fica um dos espaços mais bacanas da cidade. Uma livraria/editora/café, lugar tranquilo e perfeito para beber e comer gostosuras e encontrar muitos bons livros: a Arte & Letra. O forte da livraria não é a parte infantil – mas ainda assim, volta e meia compro um livro ou outro lá para o Francisco. É nossa forma de apoiar um negócio local e muito do legal. Foi numa dessas visitas que encontrei o livro “Tocar na Banda”  – tinha bicho e música logo na capa, fórmula certa pro Fran se interessar. Não deu outra: adorou! Na história, um jacaré (o nome dele é Zé Caré) sai atrás de um objetivo: montar uma banda. Encontra um violão sem cordas, mas sem problemas – vai atrás de cada uma delas, sempre tocando em troca das cordas, com amigos de batucada, com uma banda de jazz. No final dá tudo certo – e mesmo engolidos por uma baleia, os bichos músicos sobrevivem com violão e banda completa. O livro é escrito e ilustrado por Dea Meissner e André Ducci – os desenhos são show, super divertidos. A edição é da própria Arte & Letra, impecável. Pra conhecer já!

tocar-na-banda-01

tocar-na-banda-02

4. ANÚNCIOS AMOROSOS DOS BICHOS

Esse livro muito do engraçado eu fui descobrir lá na Biblioteca Pública do Paraná – foi o pessoal que trabalha na parte infantil que me indicou, numa das minhas buscas por livros de autores daqui. Pois o Almir Correia, autor do livro, não é bem daqui – é na verdade de Ponta Grossa, cidade muito perto de Curitiba. Então eu peço a licença de colocar ele aqui nesse mesmo pacote, até porque o livro é divertido demais e não poderia ficar de fora da lista. Como o próprio nome diz, são anúncios amorosos – mas anúncios amorosos escritos por bichos, no caso. A cada página, um bichinho anuncia que procura alguém: a girafa busca um beija-flor, a lagarta um mariposo, a porquinha busca um macaco que não pule de galho em galho. Os anúncios são poeminhas curtos, que rimam, deliciosos de ler – as ilustrações são super bonitas e em páginas bem coloridas. Ah, vale dar uma lida básica antes de partir para a leitura com os pequenos: a certa hora uma minhoquinha busca um minhocão que use camisinha. Nem queiram saber a saia justa em que me peguei com o Francisco, rs. Livro divertidíssimo, publicado pela Editora Biruta.

anuncios-amorosos-dos-bichos-01

anuncios-amorosos-dos-bichos-02

5. NUVEM FELIZ

Quando a gente pensa em escritor curitibano, acho que pensa logo em poesia, não? Eu admito que penso logo na Alice Ruiz ou no Leminski, que gosto demais – e fico bem feliz em poder colocá-los aqui nessa lista de livros infantis. Nuvem Feliz foi outro livro que emprestamos lá da biblioteca e que fez sucesso por aqui: escrito por Alice Ruiz, conta a história de uma nuvem que era tão, mas tão feliz que nunca, nuca chorava – e por isso, nunca chovia. Um dia ela passa por um lugar repleto de seca e de miséria – aí ela começa a imaginar como aquele lugar ficaria lindo, como um pouco de água traria vida àquele povo. Então ela imagina essa linda cena e…chora de felicidade. Aí é chuva, água…e também o fim da nuvenzinha, porque ela se choveu todinha, e bem, era uma vez uma nuvem. O formato do livro é diferente, na vertical: faz ele chover nas nossas mãos (opa, tô poeta hoje), junto com desenhos lindos de Edith Derdyk. Publicado pela Editora 34.

nuvem-feliz-01

nuvem-feliz-02

6. O BICHO ALFABETO

E para terminar a lista: Paulo Leminski, como não poderia deixar de ser. E não basta ser Leminski: Leminski E Ziraldo, pra coisa ficar ainda mais bonita. Nessa reunião de poeminhas curtos e divertidos, marca registrada do poeta curitibano, é difícil não esboçar um sorriso logo nas primeiras leituras. Os poemas de Leminski aqui selecionados, quase anedotas, fazem rir as crianças e os adultos – são brincadeiras com nossa língua, com palavras, significados e reflexões divertidas. Mostro dois deles ali no vídeo, mas aqui vai mais um pra dividir com vocês:

“aqui

nesta pedra

alguém sentou 

olhando o mar

o mar

não parou

pra ser olhado

foi mar

pra tudo quanto é lado.” 

Cada poema é acompanhado de uma ilustração diferente que não segue padrão algum, é pura diversão, sempre uma surpresa. Em algumas páginas o desenho ocupa o espaço todo – em outras, são traços simples, ou parecem colagem, ou transbordam pelas margens como rabiscos de canetinha. O livro é em capa dura, cores vibrantes e edição caprichada. Outra ideia bem legal de presente pra agradar os filhos e também os pais, publicado pela Companhia das Letras.

o-bicho-alfabeto-01

o-bicho-alfabeto-02

 

***